OS EFEITOS DO CIGARRO E SEUS DERIVADOS SOBRE A SAÚDE BUCAL


Os fatores de risco pertinentes à utilização de tabaco em geral (cigarros, charutos, cachimbos ou mascar tabaco) são muito considerados devido serem susceptíveis à uma série de doenças orais. O consumo destas substâncias podem causar danos à saúde bucal através de doenças como câncer bucal, a doença periodontal e a halitose, pois influenciam outros fatores de risco e associam-se à doenças do organismo. Outro fator também é que o tabaco ocasiona manchamentos nos dentes, língua e mucosas.

As defesas do organismo são prejudicadas quanto à esta associação com o fumo, pois diminuem o potencial de cicatrização de feridas e no que se refere à pós operatórios e à osteointegração de implantes dentários.

O uso do tabaco em geral associado à higiene oral deficiente, ocasionam em um hálito desagradável, outra questão importante é que ocorre diminuição do fluxo salivar, causando xerostomia (boca seca)  aumentando o risco de cáries e de estar sujeito à outras doenças como a candidíase.

A doença periodontal é uma grande vilã na associação com o tabaco, pois representa um processo inflamatório crônico da gengiva e dos tecidos de suporte dos dentes, dependendo de seu grau de agressividade leva à reabsorção óssea alveolar, mobilidade dental, exposição das raízes e consequente perda dos dentes.

Na composição dos cigarros estão presentes cerca de mais de 4.700 substâncias, sendo que destas, mais de 60 tem potenciais fortemente capazes de causar danos ao nosso organismo.

Os cigarros agridem as células da mucosa oral e diminuem a capacidade de cicatrização e de defesa, propiciando um ambiente mais favorável à ação de microrganismos como bactérias, vírus e fungos, além de conter substâncias cancerígenas aumentando a probabilidade de câncer bucal.

As visitas ao dentista regularmente são importantes para a realização de uma avaliação dos dentes, língua, gengivas e principalmente da mucosa bucal. Existem tratamentos periodontais e restauradores para limitar os danos causados pelo cigarro e pela má higiene bucal. As manchas nos dentes podem ser removidas por limpeza profissional e clareamento dental, desde que o paciente pare de fumar.

A prevenção é a melhor opção!

R. Capitão Pacheco e Chaves, 1056 - CJ 26/28, Mooca - São Paulo, SP